Olá gente, como vocês estão? Todo mundo já passou horas em sites internacionais pesquisando e comparando com os preços nacionais, mas na hora da compra surgiram várias dúvidas e a ideia acabou ficando de lado. É fato que muitas coisas são bem mais baratas no exterior, mas muitos fatores devem ser considerados na hora da decisão de onde comprar, incluindo frete, taxas e prazo de entrega. E esse é o tema da postagem de hoje, confira!


Forma de pagamento: Começando pelo principal, devemos sempre checar no site quais formas de pagamento são aceitas. Muitas lojas exigem cartões internacionais, mas as maiores, como Wish e AliExpress, já aceitam boleto bancário, com o valor convertido em reais. Outro meio de pagamento internacional bem conhecido é o PayPal, em que você pode transferir o dinheiro em questão de minutos.

Frete: Outro ponto importantíssimo para sempre ficar atento é o frete. Às vezes o preço do produto + frete acaba saindo o mesmo que seria pago aqui no Brasil, não compensando a compra. Algumas lojas tem valor fixo para entregas na América do Sul, outras cobram um valor altíssimo e em poucas  é gratuito.

  • Mas e se a mercadoria for taxada?
Toda encomenda internacional está sujeita a ser taxada, exceto livros, jornais e produtos inferiores a 50 dólares enviados de pessoa física para pessoa física. Essa taxa corresponde a 60% do valor total do produto, que deve ser paga para a liberação. Quando isso ocorre, você recebe uma carta dos Correios informando o valor e onde retirar a mercadoria. Vale lembrar que se caso a taxa não for paga em 20 dias a encomenda volta para o vendedor, e você não recebe reembolso. Isso porque as lojas já deixam informado que não se responsabilizam, então é mais um valor a ser considerado. Além, claro, do IOF de 6,38% para compras no cartão.

Prazo: Já recebi produtos da China que demoraram cerca de três meses para chegar, o que acaba ultrapassando o prazo estipulado no site. Mas muitas vezes não é culpa da loja, mas sim da disponibilidade da alfândega brasileira e dos Correios.

Para compradores e vendedores, é viável o rastreamento múltiplo, já para usuários individuais, é viável o rastreamento individual.

Espero que tenham gostado do post, me contem a experiência de vocês com compras internacionais! Beijos <3
Imagem: Pexels