Olá gente, como vocês estão? Que os óleos vegetais possuem diversas propriedades para os cabelos não é novidade, mas muita gente não sabe que eles podem ser usados na pele e também trazem muitos benefícios. Na postagem de hoje vim falar um pouquinho sobre alguns óleos vegetais e suas funções na pele, é sempre importante pesquisar e descobrir qual é indicado para a sua situação antes de comprar e usar. Confira!


Como saber se o óleo é vegetal?
Na composição dos óleos vegetais consta apenas o nome científico do mesmo ou sua nomenclatura oficial, diferente dos óleos minerais que incluem diversos aditivos, como parafina, conservantes, entre outros. Nesse post falei da diferença entre os óleos vegetais e minerais para os cabelos, mas também se aplica para o uso na pele.

  • Óleo de coco (Cocos nucifera): Começando pelo mais conhecido e querido por todos, o óleo de coco tem diversas funções e benefícios para a pele. Além de ter um grande poder hidratante para peles extremamente ressecadas, ele também pode ser usado como demaquilante e substituir sabonetes ou loções na hora da depilação.

  • Óleo de argan (Argania spinosa): Sua principal função é na proteção e na regeneração celular da pele, atuando na preservação da elasticidade. É indicado para o tratamento de rugas, manchas e aspereza.

  • Óleo de rosa mosqueta (Rosa rubiginosa): Indicado para pequenas áreas da pele, tem ação cicatrizante, tonificante e hidratante. É muito utilizado para a cicatrização de queimaduras, eczemas, feridas, rachaduras e até mesmo acne. Também é ótimo como protetor labial nos dias de baixa temperatura.

  • Óleo de jojoba (Simmondsia chinensis): Assim como para os cabelos, o óleo de jojoba também atua regulando a oleosidade da pele. Ele desobstrui e auxilia a limpeza dos poros, por esse motivo é extremamente benéfico para peles oleosas e com tendência à acne.

Espero que tenham gostado do post de hoje! Me contem se vocês costumam usar óleos vegetais na pele e qual o seu preferido. Beijos e uma ótima semana <3
Imagem: Pixabay